Em tempos de crise você pode ser o seu melhor patrão

Em tempos de crise você pode ser o seu melhor patrão

A empregabilidade no século XXI mudou!

Há quanto tempo ouvimos que o Brasil está em crise, que as condições de trabalho estão cada vez menos satisfatórias e o desemprego ainda maior? Perdi a conta de quantas pessoas eu converso e, sem exceção, falam de algum ponto negativo na estrutura da empregabilidade no nosso país.

O que as pessoas não se dão conta é que um salário é um valor fixo que recebem em troca de algum serviço prestado. Ele determina o padrão de vida que você e sua família conseguirão viver, ou na maioria da vezes, SOBREVIVER. É grande o número de pessoas que internamente pensa: “se consigo pagar minhas contas está bom“, mas não se dão conta de que a qualidade de vida não está diretamente ligada ao que você consegue pagar, mas sim ao nível de renda – aqui associado ao acúmulo de dinheiro e tempo para ter qualidade – que você consegue conceber com a sua atividade. Diferentemente de salário, renda não é fixa e pode vir de diversos meios e fatores, principalmente sua disciplina  e seu desempenho. Ela é residual e muitas vezes gerada por suas economias que foram transformadas em aplicações financeiras, aluguel de imóveis ou diversos outros negócios que gerem recorrência mensal.

Com o salário as pessoas sobrevivem pagando contas, com renda elas realizam seus sonhos!

Em tempos de mercado retraído e pensamento negativo de todos, a sociedade fica acuada e fechada a novas oportunidades que vêm batendo à sua porta. O momento mundial é de transformação digital, mas a transformação interna de cada indivíduo é fundamental. Não há ensino fundamental, médio ou superior com foco direto em criar empreendedores, tampouco há um movimento dentro das famílias em se criar crenças diferentes daquelas inseridas desde a criação da CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas). Todos pensam em estudar, arranjar um emprego – concurso, de preferência para ter garantia – ter casa própria e carro. Imagine o potencial de uma nação como o Brasil se nossas crianças fossem preparadas desde novas a serem empreendedoras, a gerar emprego ao invés de sobreviver caçando um, trabalhar pelos seus próprios sonhos ao invés de investir nos sonhos daquelas pessoas que tiveram a coragem de montar uma empresa com essas condições de leis, impostos e mercado.

O negócio do Século XXI

Países mais desenvolvidos criam regras de comércio mais atrativas e, dentre elas, criaram a venda direta, onde pessoas simples se associam a empresas gigantes de mercado para criar um público consumidor assíduo e consciente, que buscam qualidade de vida e desenvolvimento para todos.  O mercado multinível está na contramão de tudo de negativo que vem acontecendo no panorama nacional, pois trata-se de um gerador de renda!

Aqui você é capaz de conquistar a sua liberdade financeira e desfrutar de uma excelente qualidade de vida independente do que você fazia ou faz na sua profissão ou atividade anterior.

“Uma vez que você se envolva com uma empresa séria, que tenha uma marca forte, que possua produtos inovadores e de qualidade, que tenha um plano de bonificação justo e lhe dê todo o suporte através de um sistema de treinamento dinâmico, duplicável e eficaz, eu posso lhe garantir que você descobrira um negócio que jamais se afastará” – Gilberto Guitti, Diretor da Polishop.

A Polishop, a maior empresa multicanal do mundo, iniciou um canal multinível no Brasil em abril de 2011. Hoje oferece a melhor e mais completa estrutura para que uma pessoa comum, mas com atitude positiva, conquiste grandes resultados.

Comece a mudança de vida que você e sua família merecem.

ou

Deixe uma resposta

You have to agree to the comment policy.

× Como posso te ajudar?