Como funciona o seguro fiança?

Como funciona o seguro fiança?

Para que você não fique na dúvida sobre esta forma de garantia, veja aqui se ela se encaixa na sua possibilidade.

O que é o seguro fiança?

Em tempos onde ninguém quer ser responsável pela inadimplência alheia, fiador é uma coisa muito rara. O seguro fiança nasceu com essa característica de substituir a figura do fiador. Ele é contratado pelo inquilino e o segurado é o proprietário. Em alguns casos a apólice tem a vigência do contrato, mas pode ser renovado em períodos de 12 em 12 meses. Por ser menos burocrático e mais seguro que um fiador o seguro fiança agiliza em muito a aprovação dos contratos de locação.

Quais são as vantagens do seguro fiança para o inquilino?

Só de não ter de perturbar amigos e familiares com o convite de ser fiador já vale à pena, mas tem muito mais coisa incluída aqui: financeiramente é mais viável, permite parcelamento, torna a análise mais ágil do contrato de locação, vem com serviços incluídos como chaveiro, eletricista, bombeiro e outros

Mas quanto custa esse seguro fiança?

Não há um número mágico aqui. Tudo depende do que o proprietário quiser colocar como cobertura para alugar o imóvel. Geralmente varia de 1,2 a 2 vezes o valor do aluguel.

E qual a cobertura desse seguro fiança?

A função básica do seguro locatícia é garantir ao proprietário do imóvel o pagamento do aluguel devido e multas, no caso de inadimplência do inquilino. Pode ser que o proprietário queira incluir IPTU, condomínio, água ou luz. Também é possível cobrir despesas com ações de despejo e honorários advocatícios.

Como é definida a cobertura do seguro?

Aqui quem manda é o proprietário, mas às vezes ele deixa a cargo da imobiliária que administra o imóvel a definição das taxas que a apólice vai proteger. Aqui que mora o perigo do custo: se forem incluídas muitas coberturas o custo do seguro ficará alto e, consequentemente o fechamento da locação se torna mais difícil também.

Quanto de renda eu preciso para que a seguradora aprove o meu seguro fiança?

Cada seguradora tem a sua regra, mas de uma maneira geral há uma média entre 3 e 4 vezes o valor do aluguel. Se a sua renda não chegar nesse patamar é possível também somar a renda de até 3 pessoas que residirão no imóvel.

Vão me pedir 1 milhão de documentos?

Outro item que varia direto de acordo com a seguradora, mas geralmente são os de praxe: CPF, RG, recibo de pagamento dos 3 últimos alugueres (caso tenha morado de aluguel) e cópia dos 3 últimos contracheques, recibos de pagamento ou algum outro documento que comprove a sua renda. Se você estiver alugando como pessoa jurídica, além do contrato social deverão ser apresentados os documentos dos sócios responsáveis.

OK, o inquilino ficou inadimplente: como o locador é ressarcido?

Aqui vem a grande facilidade do seguro fiança: após o primeiro atraso no pagamento do aluguel o proprietário deve acionar a seguradora. O primeiro pagamento ocorre em até 30 dias, com as parcelas seguintes do aluguel sendo pagas regularmente até que o inquilino regularize a situação junto à seguradora. Se não houver regularização ou acordo o locatário corre risco de ação de despejo.

Há alguma vantagem para a imobiliária que administra o imóvel?

Sim, claro! Garante a taxa de administração dos alugueres, pois o seguro elimina a inadimplência. Isso desonera as imobiliárias de fazerem a análise de cadastro dos clientes, pois a seguradora obrigatoriamente fará isso.

OK, seguro fiança não me atende, o que mais eu posso propor de garantia?

A figura do fiador é a cosia mais tradicional, mas está entrando em desuso. Depósito caução ou título de capitalização também podem ser opções, mas quem dá as cartas é o dono do imóvel, geralmente representado pela imobiliária que administra. Há quem diga que existem fiadores profissionais, pessoas que cobras taxas dos inquilinos, mas eles são um risco grande por serem garantidores de muitos imóveis.

Espero que este artigo tenha lhe ajudado e entender o seguro fiança. Qualquer dúvida pode deixar nos comentários, que serão muito bem-vindos.

 

Deixe uma resposta

You have to agree to the comment policy.

× Como posso te ajudar?